sócio-administrador

Sócio-administrador e quotista: entenda as diferenças!

Se você deseja abrir uma empresa, saiba que o planejamento societário é essencial para evitar qualquer tipo de problema. O contrato social determina, por exemplo, a função de cada pessoa que investiu dinheiro, informando quem é o sócio-administrador e quem é o sócio-quotista.

Informações como essas servem para conferir segurança jurídica aos envolvidos, delimitando as responsabilidades e atribuições dentro da empresa.

Para saber mais sobre o assunto, confira o nosso texto e entenda as diferenças entre os dois tipos de sócios.

Como a sociedade empresarial pode ser definida?

O ordenamento brasileiro define a sociedade empresarial, como a reunião de pessoas com o intuito de iniciar um empreendimento, de maneira profissional, com a intenção de comercializar bens ou serviços visando o lucro.

Ou seja, ao optar por ter sócios, você escolhe por dividir responsabilidades, riscos e lucros com uma ou mais pessoas.

No Brasil, nós temos os seguintes tipos de sociedade empresarial:

  • sociedade simples;
  • sociedade em nome coletivo;
  • sociedade limitada;
  • sociedade anônima;
  • sociedade comandita por ações;
  • sociedade em comandita simples;
  • sociedade cooperativa;
  • sociedade em conta de participação.

Quais são as diferenças entre sócio-administrador e sócio-quotista?

Seja qual for o modelo societário de sua empresa, você pode contar com dois tipos de participação: o sócio-administrador e o sócio-quotista, que falaremos melhor nos tópicos abaixo.

Sócio-administrador

O sócio-administrador tem como função primordial desempenhar as atividades administrativas da empresa. Ou seja, ele é o responsável por conduzir as operações do negócio, realizar empréstimos, movimentar a conta bancária e assinar documentos.

Também recairá sobre o seu patrimônio pessoal a responsabilidade por dívidas contraídas em nome da empresa, caso fique comprovado que ele dirigiu o empreendimento de maneira abusiva.

Mesmo que o sócio-administrador tenha participação no capital social da empresa, ele é remunerado também pelo trabalhado desempenhado na função gerencial, por isso, recebe um pró-labore mensal, que sofre incidência do INSS e do imposto de renda de pessoa física, além da divisão dos lucros e dividendos.

Sócio quotista

Por sua vez, o sócio-quotista não tem nenhum envolvimento nas atividades administrativas da empresa, atuando apenas como um investidor.

Sendo assim, ele é remunerado apenas no momento da divisão dos lucros e dividendos, na proporção de sua participação. Nesse caso, de acordo com a legislação vigente, não há incidência nem de INSS, nem de imposto de renda de pessoa física.

O sócio-quotista também não responde com o seu patrimônio pessoal pelas dívidas da empresa.

Como escolher o sócio corretamente?

A ideia de ter um sócio em seu negócio deve ser analisada corretamente para que um dos principais riscos empresariais seja evitado.

Portanto, na hora de escolher o seu, não esqueça de considerar as questões básicas, como o compromisso que determinada pessoa terá com a sociedade, quais são as habilidades que ela oferece para a empresa, como é o seu relacionamento com ela e qual a experiência dela no ramo escolhido.

Um erro bastante comum é escolher um amigo e pensar que apenas acordos verbais são suficientes para proteger ambos os sócios de possíveis problemas. Não caia nessa armadilha e sempre procure um advogado para formalizar tudo o que for acordado entre vocês.

Também é preciso estipular qual será o tipo de sociedade, como a divisão dos lucros será realizada, quem será o sócio-administrador, se permitirão a participação de sócios-quotistas, entre outros detalhes burocráticos.

A escolha do sócio-administrador é de extrema importância para que as empresas possam ser bem administradas e os sócios-quotistas tenham lucro. Na dúvida sobre qual caminho seguir, não deixe de recorrer à assessoria jurídica para análise de todas as possibilidades e riscos que envolvem o negócio.

Aproveite para ler também o nosso texto sobre os principais riscos empresariais e como fazer para evitá-los.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WhatsApp chat